Décadas que fazem toda diferença

Pois é, todos sabem que o mundo escolar mudou muito nos últimos 50 anos, vai ai um texto bem humorado que retrata isso.

Cena 1:
Carlos vai para a escola depois de caçar codornas, sem querer leva seu rifle para a aula.

1957: O diretor da escola vê o rifle de Carlos, o chama até a sua sala e mostra pra ele sua espingarda. Os dois ficam o dia inteiro conversando sobre armas e marcam de caçar juntos qualquer dia.

2009: O diretor da escola chama a polícia, que pede reforços e imediatamente cercam a escola. Carlos vai preso e nunca mais vê seu rifle. Um psicólogo é contratado para conversas com os alunos e professores que ficaram traumatizados.

Cena 2:
João e Chico brigam depois da aula.

1957: A multidão se reúne para ver os dois brigando. Chico ganha a briga, mas eles apertam as mãos e no fim viram grandes amigos.

2009: O diretor da escola chama a polícia, que chega e prende João e Chico. Os dois também são expulsos do colégio.

Cena 3:
Diego anda perturbando as aulas, sempre conversando e não prestando atenção no professor.

1957: Diego é chamado para conversar com o diretor, que pressiona o aluno e o manda ficar quieto e começar a prestar atenção nas aulas. Diego ouve os conselhos do diretor e nunca mais interrompe outra aula com suas conversas.

2009: O conselheiro da escola chama os pais de Diego e recomenda que levem seu filho a um psiquiatra. Diego começa a tomar Ritalina e a freqüentar o Dr. Flávio (psiquiatra) toda semana.

Cena 4:
Gil está com a cabeça quente e quebra o vidro do carro de seu vizinho, seu pai lhe dá uma surra:

1957: Gil começa a pensar duas vezes antes de sair quebrando tudo, o tempo passa, ele acaba a faculdade e se torna um médico de bastante sucesso. Quando lembra do vidro quebrado sempre diz com um ar nostálgico no olhar: “Meu pai era um grande homem…”

2009: O pai de Gil é preso por bater em uma criança. Gil se torna um delinqüente, continua quebrando vidros - agora para roubar os rádios dos carros - e nunca aprendeu a lição. O pai de Gil se suicida na cadeia pouco antes de seu filho também ir parar atrás das grades.

Cena 5:
Michele não vai à uma aula de inglês.

1957: Michele faz aulas durante o verão e no fim tudo acaba bem.

2009: A mãe de Michele acha que deve ter algum problema em sua escola, vai atrás disso e acaba não gostando da professora de inglês de sua filha. O diretor da escola é chamado pela mãe de Michele, que é uma política influente, e lhe pede para trocar a professora. Dona Cláudia, a professora, é demitida. Os alunos ficam sem inglês naquele ano mas mesmo assim recebem o diploma. Michele acaba sendo uma recepcionista de uma fábrica de colchões por não saber inglês.

Cena 6:
Ricardo leva muitos explosivos para brincar com seus amigos da escola, colocando todos eles em um formigueiro.

1957: As formigas morrem.

2009: O diretor expulsa Ricardo e alguns de seus amigos da escola que participaram da “brincadeira”. A polícia começa a investigar a família de Ricardo e desconfia de todos eles. Os computadores da casa de Ricardo são confiscados e o pai do menino nunca mais pôde andar de avião.

Cena 7:
Miguel está correndo em volta da escola e cai no chão, se machucando muito. Rebeca, sua professora, vê tudo e abraça Miguel, para consolar o menino.

1957: Miguel deixa de sentir dor em menos de 30 segundos, agradece a professora e continua correndo.

2009: Rebeca é acusada de ser uma predadora sexual, aparece no programa da Márcia Goldschmidt um pouco depois de ser afastada da escola. Hoje ela trabalha como camelô no centro de alguma cidade grande, usa uma peruca para não ser reconhecida e mudou seu nome para Trinity.

Meu amigo Raul que me mandou, e mais tarde vi que ele tirou do Haznos

0 Comentários:

Related Posts with Thumbnails
 
Copyright © Leis de M.E.R.F.